Portal Jamanxim

Mineração Serabi, de Itaituba, recebe licença ambiental até 2024

Nosso negócio tem contínua preocupação com a sustentabilidade e a renovação das licenças apoiam esse compromisso

Imagem de capa
Reproduçõ
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado concedeu à Mineração Serabi a licença de operação, com validade até 2024, para lavra e beneficiamento do Complexo Mineral Palito, trazendo continuidade ao empreendimento que impacta centenas de famílias no município de Itaituba e região.

A renovação das licenças intensifica o compromisso que os investidores e acionistas têm com as operações da mineradora no Brasil, além de reforçar a credibilidade que este projeto tem junto aos seus colaboradores, fornecedores locais e comunidades.
Para o Diretor-Presidente da Serabi, Ulisses Melo, as licenças garantem o bom andamento do fluxo operacional, impactando positivamente a sociedade em torno do projeto como um todo. “Nosso negócio tem contínua preocupação com a sustentabilidade e a renovação das licenças apoiam esse compromisso”, completa Ulisses.
 
A Serabi também conquistou a obtenção das guias de utilização do Projeto Coringa. Em outubro passado, a SEMAS/PA concedeu a mineradora a licença prévia (LP) que é a primeira das três necessárias para o funcionamento da operação. Quando este ativo estiver em plena atividade a expectativa é de que a produção anual da mineradora duplique.
 

Fonte

Portal Jamanxim(Com informações Serabi Gold)
  • COMPARTILHE

Mineração Serabi, de Itaituba, recebe licença ambiental até 2024

18/03/2021 17:43


A Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado concedeu à Mineração Serabi a licença de operação, com validade até 2024, para lavra e beneficiamento do Complexo Mineral Palito, trazendo continuidade ao empreendimento que impacta centenas de famílias no município de Itaituba e região.

A renovação das licenças intensifica o compromisso que os investidores e acionistas têm com as operações da mineradora no Brasil, além de reforçar a credibilidade que este projeto tem junto aos seus colaboradores, fornecedores locais e comunidades.
Para o Diretor-Presidente da Serabi, Ulisses Melo, as licenças garantem o bom andamento do fluxo operacional, impactando positivamente a sociedade em torno do projeto como um todo. “Nosso negócio tem contínua preocupação com a sustentabilidade e a renovação das licenças apoiam esse compromisso”, completa Ulisses.
 
A Serabi também conquistou a obtenção das guias de utilização do Projeto Coringa. Em outubro passado, a SEMAS/PA concedeu a mineradora a licença prévia (LP) que é a primeira das três necessárias para o funcionamento da operação. Quando este ativo estiver em plena atividade a expectativa é de que a produção anual da mineradora duplique.
 
Fonte: Portal Jamanxim(Com informações Serabi Gold)

Inscreva-se Newsletter

Inscreva-se em nossa newsletter e receba em primeira mão nossas novidades!
[CARREGANDO...]

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )